A HARD DAY’S NIGHT

A

De tempos em tempos, nós provincianos, em hordas, partimos na direção da meca.

E ai de quem faltar.

Desde os shows de Waldir Calmon, passando pelo Cirque du Soleil, exposição de Eckhout, Caetano no Chevrolet Hall, Chico no Centro de Convenções, tem sido assim.

Tudo é um bom motivo para a peregrinação.

Ninguém quer ficar de fora.

Ou vai se achar, no mínimo, um marciano em Vênus, sem assunto pra mais de seis meses.

E no de Paul McCartney, então.

O engarrafamento começava na Ponte Velha e ia até depois de Abreu e Lima.

Reserva em hotéis, nem pensar que casa de cunhado é pra essas coisas.

Organização de Partido Comunista.

Ou de quem viaja em excursão .

Três horas de van, mais três na fila do Arruda, com direito a um golden shower na entrada e um bom lugar a quilômetros do palco.

Som e luzes à parte, venceu o cansaço.

Antes do primeiro acorde, o beatlemaníaco já estava no segundo sono.

Sobre o autor

Domicio Arruda
Domicio Arruda

Médico urologista há mais de 40 anos. Foi Presidente da Unimed Natal, Diretor Geral do Hospital Walfredo Gurgel e Secretário Estadual da Saúde. Atualmente dedica-se ao ofício de avô em tempo quase integral.

Adicionar comentário

Raio-X Marketing Carratu Digital
Domicio Arruda Por Domicio Arruda