FAZER A DIFERENÇA, FAZ SENTIDO PARA VOCÊ?

F

Fazer a diferença é uma atitude que enxergamos em poucos profissionais no mercado, pois nem sempre encontramos quem tem a vontade de sair da sua zona de conforto para fazer algo novo ou inovador.

Quando recebi o convite de Cassiano Arruda para escrever uma coluna no Território Livre, fiquei surpreso. Afinal tenho enorme admiração não só pelo seu histórico profissional, mas pela mentalidade avançada em relação ao meio que ele trabalha, e de pronto aceitei. Quero aqui dizer que não só sou grato, como acredito que o convite me provocou a evoluir no aspecto social e pelo desafio de evoluir, eu estou aqui.

Pois bem, eu estou escrevendo o meu primeiro artigo aqui no Território Livre e gostaria de me apresentar e explicar o que estarei publicando aqui semanalmente.

Quem sou?

Me chamo Ubirajara Carratu, e sou um profissional de marketing digital com mais de uma década e meia de experiência no mercado. Tenho muito amor pela minha profissão e a exerço galgada em uma constante busca pela inovação e melhoria dos serviços de marketing digital para trazer resultados financeiros para empresas.

O que escreverei?

Ao longo desta minha nova jornada, estarei publicando artigos que mostrem a leitura de quem está conectado nos dois mundos e consegue enxergar o que muitos não enxergam por não praticarem este exercício rotineiramente.

Este tema pode ser entendido por alguns com informação disruptiva, que é um termo que descreve como uma informação que chega ao digital e provoca uma ruptura com os padrões sociais, modelos ou tecnologias já estabelecidos no mercado que muitas vezes são considerados únicos e verdadeiros.

Qual o meu desafio?

Agora me vejo em um novo e grande desafio, de escrever no mesmo ritmo em meio aos nomes fortes deste Território Livre, como o da própria Laurita Arruda, jornalista arrojada e que sempre acreditou em fazer a diferença no meio digital com a sua forma de noticiar assuntos de maneira clara, se colocando muitas vezes em situações não muito confortáveis, mas mantendo sua postura de noticiar de forma inteligente, com opinião e sempre respeitando a adversidade dos fatos e dos momentos.

Para mim oferecer uma opinião é ter que experimentar ou conhecer algo de forma mais profunda para escrever. Por isso estarei disposto a fazer isso aqui sempre, para não escrever algo fútil ou superficial.

Para mim existe uma regra máxima que tenho implementado na cultura da minha agência. Se a casa é de ferreiro, espeto é de… ferro!

Vamos Fazer a diferença?

Pois é, vocês já perceberam que o desafio é grande, a responsabilidade é muito maior, mas sem dúvida o prazer da superação é o que torna tudo isso muito atraente. E sei que poderei contar com você que esta lendo este meu primeiro artigo para me ajudar a estar sempre escrevendo assuntos relevantes e comentando o que achou dos meus artigos.

E como disse a minha grande amiga Liliane Ferrari em uma conversa pelo WhatsApp comigo:

Good luck and don’t fuck It up

Parece mais uma frase de boa sorte para quem vive no teatro, mas não é uma frase do ator RuPaul que me foi apresentado nesta conversa.

Uma das coisas que para mim fará a diferença é ter o seu apoio e seus comentários nos artigos. Pois então terei certeza que não estarei em um monólogo e sim numa linha de produção de texto que estará chegando até você, ajudando a sair de suas zonas de conforto e te trazendo resultados positivos.

Que 2019 seja um ano para fazer a diferença na vida de todos nós.

Ps. Para começar a fazer a diferença, que tal pesquisar no Google “quem faz a diferença no Nordeste?”

8 comentários