#VazaJato chega aos debates da Assembleia

#

Como numa guerra de torcidas e militância,  o “vazamento” de diálogos entre protagonistas da Operação Lava Jato chegou à Ordem do Dia da Assembleia Legislativa do RN.

O deputado Sandro Pimentel (PSOL) defendeu a nulidade do processo que prendeu o ex-Presidente Lula e foi além. Disse que se Lula tivesse disputado as eleições de 2018, certamente, o Presidente eleito não seria Jair Bolsonaro.

O Coronel Azevedo (PSL) tomou as dores do companheiro de partido. Lembrou que as condenações do ex-Presidente  Lula não estão restritas ao ex-Juiz Moro. E que o jornalista responsável pela matéria do The Intercept, Glenn Greenwald,  é casado com o Deputado Federal David Miranda, do PSOL.

Réplica de Pimentel:

` Eles são casados há mais de 15 anos. O senhor é homofóbico, Deputado?

DO TL: A AL retrata o clima que se vive hoje em todo Brasil. Por aqui, um debate respeitoso e democrático. Até agora…

 

Sobre o autor

Laurita Arruda
Laurita Arruda

Laurita Arruda , jornalista e advogada, com opinião formada sobre (quase tudo), observadora da cena e único compromisso; respeito à verdade! #TLvive #novoTL

1 comentário

Raio-X Marketing Carratu Digital
Laurita Arruda Por Laurita Arruda